Conecte-se conosco

Celebridades

Ed Westwick, de ‘Gossip Girl’, é acusado de manter estilista como escrava sexual

Publicado

em

Reprodução

O ator Ed Westwick está – mais uma vez – envolvido em uma denúncia de abuso sexual. Segundo informações do site TMZ, o Chuck Bass de Gossip Girl foi acusado de manter a estilista Haley Camille Freedman como escrava sexual por 48 horas.

A mulher contou que em 2014 estava em uma festa na casa do ator e, quando os demais convidados da festa foram embora, os dois tiveram relações sexuais consensuais. Durante o ato, entretanto, Westwick tornou-se violento, a estrangulou, bateu e cuspiu nela.

Ela continua a história, dizendo que depois acordou sem ter noção de que dia era ou onde estava. A estilista acredita ter sido dopada e estuprada por dois dias e disse ter sofrido contusões e sangramentos. Em seu relato ela conta ainda que Ed Westwick por diversas vezes prometeu levá-la embora, mas nunca o fazia.

Processos

Ao contrário do imaginado, Haley não iniciou uma a ação contra o ator, e sim contra sua equipe. Eles teriam impedido que a imprensa veiculasse a história da estilista. À época, a moça teria contado a um jornalista tudo o que teria acontecido e os profissionais que trabalham com Ed teriam alegado que ela é uma pessoa conturbada.

Westwick tem três denúncias de abuso sexual, feitas por três mulheres diferentes. Assim como aconteceu com outros astros e figurões de Hollywood, o ator teve trabalhos cancelados. A minisséria Ordeal By Innocence será refilmada sem ele e sua participação em White Gold foi cancelada.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas